CARTÃO DE NATAL

pensam os homens que, reinaugurando essa criança, reinauguram o caderno onde são escritas as nossas aventuras mundo afora.
 
como se fosse consagrado, nestes dias, um caderno novo, e a aventura maior, que é viver, estivesse em ponto de vôo, e explodissem as sementes a serem semeadas nos campos que cruzamos e cruzaremos.
 
que, desta vez, esse caderno, no qual escrevemos as nossas dores & delícias, não perca sua atração casadoura para o dente, e possa, enfim, o ferro comer a ferrugem, não o contrário, possa o dente roer a cárie, não o contrário, o “sim” comer o “não”, não o contrário.
 
coragem grande é poder dizer sim (caetano veloso).
 
deixemos que se escreva no caderno, como cabeçalho para todo & qualquer texto que nele publicarmos:
 
sim à vida!
 
beijo bom em todos!
paulo sabino. / paulinho.
_______________________________________________________________________________________________________
 
(do livro: A educação pela pedra e depois. autor: João Cabral de Melo Neto. editora: Nova Fronteira.) 
 
 
CARTÃO DE NATAL
 
Pois que reinaugurando essa criança
pensam os homens 
reinaugurar a sua vida
e começar novo caderno,
fresco como o pão do dia;
pois que nestes dias a aventura
parece em ponto de vôo, e parece
que vão enfim poder
explodir suas sementes:
 
que desta vez não perca esse caderno
sua atração núbil para o dente;
que o entusiasmo conserve vivas
suas molas,
e possa enfim o ferro
comer a ferrugem,
o sim comer o não.
                                                                    (1952)
Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: