VOCÊ TEM MEDO DE DIZER “EU TE AMO”?

Este vídeo é das coisas mais LINDAS a que assisti nos últimos tempos!

Que coisa comovente! Que coisa mais delicada, quanta riqueza a humanidade pode oferecer!… E pensar que guerras podem acabar com toda esta magia…

O rapazinho do filme resgata, em mim, ânimo & disposição & crença de que tudo pode ser melhor. E ele, o rapazinho, assim o faz sem a menor pretensão de fazê-lo, sendo ele bem natural, bem espontâneo.

Não há nada de discurso “pró-isso” ou “pró-aquilo”; o rapazinho é delicadamente brutal. “Brutal”, porque na delicadeza do seu ato, somos acertados em cheio, a golpe forte. É um soco no estômago, é como se dissesse: “ô, seus imbecis, estão vendo o que pode ser a vida? Estão vendo?”

Isso, para mim, é bárbaro, é revolucionário. É isso o que quero para a poesia, é o que almejo com a poesia, é o que acho ser da capacidade da poesia. Este vídeo é poesia.

Sem favor, senhores, porque isto não é favor algum: AMEM! Sem medos.

Este vídeo, pequeno, é para ser visto & revisto, pois ele redimensiona, em nós, sentimentos nobres, sentimentos bonitos.

(Ganhei o dia com estas imagens!)

Beijo todos!

Paulo Sabino.

__________________________________________________________________________

(vídeo extraído do site: Youtube.)

Anúncios

2 Respostas

  1. Tem toda a razão.Um abraço

    • Bom saber que você gostou, Amelia!

      Um beijo delicado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: