UM DOMINGO

Pão-de-açúcar

______________________________________________________________________

hoje amanheceu um domingo.

e não me escapa este domingo de ser domingo:

soberbo, isto é, grandioso, magnífico, um domingo enxuto, em que se eliminou ou reduziu o que é excessivo ou supérfluo, um domingo enxuto, sem lágrimas, sem lembranças que emocionem (sem infância & seu tempo passado), um domingo ávido de si, um domingo que só olhe para o seu umbigo, um domingo preocupado em se dar enquanto domingo.

um domingo rútilo, um domingo cintilante, reluzente, um domingo em pêlo & sem mais sentido que o sentido próprio de ser um domingo soberbo, enxuto, sem infância, ávido de si:

à espreita de uma surpresa, à espera de algum deleite.

(que assim seja.)

um ótimo domingo a todos!

beijo nocês tudo!
paulo sabino.
______________________________________________________________________

(do livro: A estrela fria. autor: José Almino. editora: Companhia das Letras.)

 

 

UM DOMINGO

 

Não me escapa este domingo
de ser domingo: soberbo

um domingo enxuto,
sem infância,
ávido de si,
do seu umbigo,

um domingo rútilo,
em pelo
e sem mais sentido:
à espreita de uma surpresa,
de algum deleite.

There are no comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: