COBRA RASTEIRA

Cobra

 

________________________________________________________

nem todo trajeto é reto, nem o mar é regular…

estrada: caminho torto.

estrada: caminho repleto de curvas, desvios, buracos & pedras.

estrada: caminho torto: me perco pra encontrar, pois nem todo trajeto é reto, nem o mar é regular…

me perco pra encontrar (a trilha que trilho), abrindo talho na vida, construindo possibilidades, até que eu possa passar.

sigo como um moinho que roda, traçando a linha sem fim (o caminho que me cabe), traçando o meu fio-condutor, e desbravando o futuro, futuro girando em volta de mim, aguardando, no seu tempo, que eu trilhe o meu caminhar a fim de alcançá-lo.

correndo o mundo, eu, cobra rasteira, bicho que avança tortuoso (pois nem todo trajeto é reto, nem o mar é regular), eu, cobra rasteira, animal que vive rente ao chão, rente à vida terrena, eu, cobra rasteira, me engoli de vez (como na lenda africana, oxumaré, a “cobra arco-íris”, orixá símbolo da mobilidade, do movimento, cobra que morde a própria cauda, simbolizando, com isso, o seu renascimento, as tantas metamorfoses que sofremos ao longo do percurso).

ê “giramundo”! ê “roda-vida”! assim o chão se fez, assim se fez o caminhar, através das voltas que o mundo dá, dos passos que imprimimos nele & das transformações que imprimimos em nós.

afinal, nem todo trajeto é reto, nem o mar é regular.

sinuosos pela vida, feito cobra rasteira, avante!

beijo todos!
paulo sabino.
________________________________________________________

(autor: Kiko Dinucci.)

 

 

COBRA RASTEIRA

 

Nem todo trajeto é reto
Nem o mar é regular

Estrada, caminho torto
Me perco pra encontrar
Abrindo talho na vida
Até que eu possa passar
Como um moinho que roda
Traçando a linha sem fim
E desbravando o futuro
Girando em volta de mim

Correndo o mundo
(Cobra rasteira)
Me engoli de vez
(Cobra rasteira)
Ô, giramundo
(Cobra rasteira)
Assim o chão se fez

Nem todo trajeto é reto
Nem o mar é regular
________________________________________________________

(do site: Youtube. áudio extraído do cd: MetaL MetaL. selo: Desmonta. canção: Cobra rasteira. artista: Metá Metá. autor da canção: Kiko Dinucci.)

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: