O MENINO AZUL

O Menino Azul

____________________________________________________________________

o menino azul que me habita o peito, cansado dos desmandos & injustiças cometidos por aqueles que se consideram os donos do poder (político, econômico, de informação), sufocado pelas dores & dissabores causados por aqueles que se consideram os donos do poder (político, econômico, de informação), o menino quer um burrinho para passear. um burrinho manso, que não corra nem pule, mas que saiba conversar.

o menino azul que me habita o peito quer um burrinho que saiba dizer o nome dos rios, das montanhas, das flores — de tudo o que aparecer.

o menino azul que me habita o peito quer um burrinho que saiba inventar histórias bonitas, com pessoas & bichos & com barquinhos no mar.

e os dois, o menino azul que me habita o peito & o seu burrinho, sairão pelo mundo, que é como um jardim, apenas mais largo & talvez mais comprido & que não tenha fim.

quem souber de um burrinho desses, pode escrever à rua das casas, número das portas, carta endereçada ao menino azul que não sabe ler.

o menino azul que me habita o peito não sabe ler, sabe somente sentir.

o menino azul que me habita o peito tem apenas duas mãos & o sentimento do mundo.

beijo todos!
paulo sabino.
____________________________________________________________________

(do livro: Poesia completa — volume II. autora: Cecília Meireles. organização: Antonio Carlos Secchin. editora: Nova Fronteira.)

 

 

O MENINO AZUL

 

O menino quer um burrinho
para passear.
Um burrinho manso,
que não corra nem pule,
mas que saiba conversar.

O menino quer um burrinho
que saiba dizer
o nome dos rios,
das montanhas, das flores
— de tudo o que aparecer.

O menino quer um burrinho
que saiba inventar
histórias bonitas
com pessoas e bichos
e com barquinhos no mar.

E os dois sairão pelo mundo
que é como um jardim
apenas mais largo
e talvez mais comprido
e que não tenha fim.

(Quem souber de um burrinho desses,
pode escrever
para a Rua das Casas,
Número das Portas,
ao Menino Azul que não sabe ler.)

 

Anúncios

11 Respostas

  1. Eu. sou. Professora. de. História

    • Espero que você tenha gostado da publicação, Tawane, e que esta lhe sirva às aulas de História. Abraço!

  2. achei muito divertido.

    • Que bom saber, Murilo!

      Eu espero que você se divirta com outras tantas coisas aqui da página.

      Sempre digo que a poesia é a casa de todos que queiram nela abrigar-se.

      Abraço!

  3. Eu quero um burrinho que saiba inventar historias bonita, seria uma ótima companhia no meu dia-a-dia de estresse constante…..
    Quem souber de um burrinho desse pode escrever….

  4. No mundo atual onde os desencantos e a falta de amor prevalece, muitos desejam possuir um burrinho virtuoso, que saiba ouvir, ser alegre, que troque ideias e que seja boa companhia no decorrer do cotidiano estressante…, além de fazer bom cafuné para o outro relaxar.

    • É verdade. Momentos de felicidade são os que nos salvam das agruras do cotidiano…

      Abraço grande!

  5. Em que ano foi escrito o poema o menino azul??

    • Leonardo, “O menino azul” foi lançado no livro “Ou isto ou aquilo”, de 1964. Grande abraço!

  6. eu não domino muito interpretação de poesia e gostaria de saber do que se trata?

    • Ana,

      Esta poesia, da Cecília Meireles, é, na verdade, onírica, pois sabemos da inexistência de algum menino que seja azul & de burrinho que tenha & faça uso da razão crítica. É um “pedido de paz” da poeta frente a este nosso mundo louco, de tantas pressões & injustiças & tristezas.

      Espero ter ajudado você.

      Grande abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: